Música atual: Carregando ...

iphone6_screen-5

 

Apple pretende transformar o próximo iPhone em uma carteira móvel através de parcerias com as principais redes de pagamento, bancos e varejistas, de acordo com uma fonte do setor. O acordo inclui a Visa, a MasterCard e a American Express e será divulgado no dia 9 de setembro junto com o próximo iPhone, disse a fonte, que solicitou anonimato porque as negociações são confidenciais.

O novo iPhone facilitará a realização de pagamentos móveis porque inclui, pela primeira vez, um chip NFC (comunicação por campo de proximidade), disse a fonte. Esse avanço e o Touch ID, um sensor de impressão digital que foi lançado no iPhone mais recente, permitirão que os consumidores paguem com segurança os artigos de uma loja com apenas o toque de um dedo.

Embora empresas como a Google tenham investido na criação de novas maneiras de utilizar os telefones para realizar pagamentos em lojas físicas, as varejistas dos EUA têm sido lentas para adotar a tecnologia, limitando assim o uso pelos compradores, de acordo com Ben Bajarin, analista da Creative Strategies LLC em San Jose, Califórnia. Trudy Muller, porta-voz da Apple, não quis comentar, assim como Jim Issokson, porta-voz da MasterCard, e Mike O’Neill, porta-voz da American Express. Representantes da Visa não responderam imediatamente ao pedido de comentários. Para a Apple, a iniciativa de criar uma carteira móvel visa manter os usuários dentro de seu ecossistema, gerando assim maior lealdade à sua marca e demanda por seus produtos, disse Bajarin.

Isso poderia mudar quando a Apple entrar no mercado, porque o iPhone tem a maior participação de mercado nos EUA, disse ele.

 

Via: Exame

 

print-da-transmissao-do-sorteio-do-volei-da-fivb

 

A Seleção Brasileira estreou no Mundial Masculino de Vôlei na manhã desta segunda-feira com uma vitória tranquila sobre a Alemanha por 3 sets a 0 (25/21, 25/19 e 25/17). O palco do jogo foi Katowice, na Polônia, onde a equipe conquistou o primeiro título sob o comando de Bernardinho, em 2001. Diante de um público de 11 mil pessoas e com grande atuação de Lucão, maior pontuador e impecável nos bloqueios, o Brasil deu o primeiro passo para a conquista do tetra.

Bruninho, Sidão, Lucarelli, Lucão, Murilo, Wallace e o líbero Felipe começaram jogando. O Brasil entrou em quadra nervoso e deixou os alemães abrirem três pontos de vantagem no começo do primeiro set. Gunthör e Grozer marcaram e a Alemanha chegou aos dez pontos, mas a reação veio com Bruno e Lucão.

Brasil comemora vitória importante logo na primeira rodada

Foto: FIVB / Divulgação

O levantador buscou a bola nas placas de publicidade e o meia, atacando forte, marcou cinco pontos seguidos e virou a partida: 12 a 10. O Brasil continuou na frente, mas o ataque alemão cresceu e o oposto marcou dois aces, obrigando o treinador a pedir tempo para esfriar a ofensiva adversária. Lucão explorou o bloqueio, seguido por Lucarelli, que fechou o primeiro set em 25/21.

Foto: FIVB / Divulgação

O segundo set começou como terminou o anterior, com ponto de Lucarelli. O time se mostrou mais organizado, mas a Alemanha teve mais volume de jogo. Após longo rali, Wallace explorou o bloqueio e o Brasil abriu 5 a 2, mas cedeu o empate por 7 a 7. Com a recepção funcionando bem e o bloqueio formado com Murilo e Lucão, a Seleção voltou a ficar na frente e manteve a vantagem até o fim da parcial. Com levantamento de Rapha, Vissoto cravou a bola e selou o set em 25/19.

Na última parcial, o time verde-amarelo fez um set bastante equilibrado e, superior nos contra-ataques, confirmou o triunfo com tranquilidade. O Brasil abriu 4 a 1 e obrigou o comandante alemão a pedir tempo diante da apatia dos jogadores, mas o paredão brasileiro não deu chance, se manteve na frente e fechou o set em 25/17 e o jogo em 3 sets a 0.

Via: Terra
Medicamento experimental ZMapp cura 100% de macacos com ebola

Medicamento experimental ZMapp cura 100% de macacos com ebola

 

O ZMapp ficou conhecido mundialmente durante o atual surto do Ebola na África. Sem nunca antes ter sido testado em seres humanos, nesta que é considerada a pior epidemia do Ebola,  já foi dado a sete pessoas infectadas: dois missionários norte-americanos, três médicos africanos, um padre espanhol e um enfermeiro britânico. Um dos médicos e o padre perderam a batalha contra o vírus, enquanto os dois norte-americanos sobreviveram, ainda que não seja possível garantir que o ZMapp teve realmente aí um papel. Mas esta sexta-feira, na revista Nature, foram publicado resultados de experiências em macacos: os 18 animais infectados que foram tratados com o ZMapp sobreviveram todos ao vírus.

O medicamento experimental contra o ebola, ZMapp, surtiu efeito em macacos mesmo cinco dias depois da contaminação pelo vírus, segundo um novo estudo canadense. Os animais já mostravam fortes sintomas da doença, escreveram os autores da pesquisa recentemente publicada na revista científica britânica Nature. A febre é somente um dos sintomas do ebola. Além disso, o número de glóbulos brancos aumenta, e o de plaquetas diminui, provocando o sangramento das mucosas. Todos esses sintomas diminuíram visivelmente após o tratamento com o ZMapp. O

O ZMapp é uma mistura de três anticorpos que se prendem às proteínas do vírus do ebola e ativam o sistema imunológico para que este o destrua. Dois coquetéis de anticorpos anteriores do Zmapp só protegeram 43%  dos macacos quando ministrados até cinco dias após o contágio. A produção do ZMapp, porém, é complexa, segundo Bernhard Fleischer, do Instituto Bernhard-Nocht de Medicina Tropical, em Hamburgo, na Alemanha. “Trata-se de anticorpos monoclonais que foram desenvolvidos contra o vírus do ebola. Eles são muito similares aos anticorpos humanos.”

Não há vacinas ou tratamentos para o ebola, mas testes de segurança de uma vacina da Glaxo Smith Kline com humanos serão iniciados na semana que vem, e os da empresa farmacêutica NewLink Genetics no outono norte-americano.

Via: CBN

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Pagina 1 de 1.251123...1020...Últ »

SIGA A BITS GAMES
Endereço:
Rua dos Carijós, 424 - 9º andar - Praça 7
Ed. Joaquim de Paula - Belo Horizonte - MG
Telefones:
(31) 3271-9537 | (31) 3271-9484 | (31) 3274-1329
(31) 3271-9414 | (31) 3271-9423 | (31) 3212-8251
Algumas imagens, logotipos, textos, marcas e outros, foram retirados da internet e todos os direitos são reservados aos seus respectivos proprietarios.
"Uma empresa familiar desde 1997" © 1997-2014